TRATAMENTOS QUE AJUDAM ACABAR COM AS ESTRIAS

TRATAMENTOS QUE AJUDAM ACABAR COM AS ESTRIAS – Antes de iniciar qualquer tipo de tratamento, é preciso saber que existem três tipos diferentes de estrias: as vermelhas ou arroxeadas; as brancas, superficiais e estreitas; e as ranças, profundas e largas. De forma geral, elas aparecem quando é exigido da pele um estiramento muito rápido.

TRATAMENTO QUE AJUDAM A ACABAR COM AS ESTRIAS

As vermelhas ou arroxeadas são as mais fáceis de tratar, pois são recentes (a cor indica que o tecido não foi totalmente prejudicado e há sangue circulando no local). Com o passar do tempo às linhas vão perdendo gradualmente a tonalidade até se tornarem esbranquiçadas. Nessa fase, o tratamento, para dar bons resultados, precisa ser mais intenso e provocar uma agressão na pele para que ela reaja produzindo mais colágeno e elastina, que farão a cicatrização interna das estrias.

O tratamento é realizado com base numa associação entre infravermelho e ácido retinóico. Um aparelho com ponteira de cristal disparam raios infravermelhos que aquecem as camadas mais profundas da pele, provocando a sua retração e produzindo mais fibroblastos, que são as células formadoras de colágeno e elastina. Meia hora depois é aplicado o ácido retinóico, que também estimula o aumento das fibras de sustentação da pele. Três meses após o tratamento, o aspecto das linhas melhora entre 40% e 80%, dependendo da largura.

O tratamento mais eficiente é realizado com base numa associação entre peeling de cobre e intradermia. Primeiro é feio o peeling, que provoca uma microesfoliação e estimula a produção de colágeno e elastina. O cobre reage com uma enzima da pele responsável pela produção de melanina, fazendo a estria voltar a ter a mesma tonalidade do restante do corpo. Em seguida, é injetado na camada superficial um mix de substâncias capazes de reconstituir e devolver a elasticidade, firmeza e hidratação cutânea. O resultado aparece, em média, após cinco sessões e a melhora das estrias varia entre 70% a 80%.

O tratamento mais utilizado é o laser fracionado seguido de subcisão. Como é de se prever, nestes casos a terapia a ser utilizada tem que ser mais agressiva para apresentar resultados satisfatórios. O resultado só aparece entre 30 e 60 dias, que o tempo necessário para a reestruturação do colágeno.

Leave a Reply